|
Christmas Message From Sri Daya Mata (Portuguese)

2010 Christmas title PORT

“Celebre a vinda de Cristo à Terra, com a percepção da divina Consciência Crística que estava manifestada em Jesus, renascendo no berço de seu próprio despertar espiritual (…).”

Paramahansa Yogananda

Meus queridos,

 

Ao celebrarmos o nascimento da Consciência Crística na forma do abençoado Senhor Jesus, que seus corações sejam mais uma vez inspirados pela alegria e esperança sentidas de modo tão intenso durante esta época sagrada. A vinda de grandes mestres, que refletem puramente a luz de Deus, fortalece nossa certeza de que também podemos experimentar um renascimento – passando de uma existência materialista à natureza ilimitada de nossas almas. Neles contemplamos nosso próprio potencial infinito para expandir a consciência, manifestando a bondade e o amor de Deus em nossa vida individual e em nosso relacionamento com os outros.

Embora séculos se tenham passado desde o nascimento de Jesus, o poder de seu exemplo e de seu amor onipresente continua a transformar almas receptivas. Também ele viveu numa época de muito tumulto e discórdia, mas nos demonstrou o modo de reagir divinamente – sintonizando-nos com o Pai Celestial a ponto de podermos
sentir por todos o mesmo que Ele sente e podermos nos elevar acima das dualidades deste mundo para encontrar paz em nosso interior, tornando-nos doadores de amor e de paz aos outros. Concentrando-se na vida de Cristo e esforçando-se por imitar as qualidades que ele expressou, vocês abrirão seus corações para absorver mais profundamente o espírito manifestado por ele e por todas as almas unidas a Deus. O poder que sustenta o universo preenchia seu ser; todavia, ainda maior era sua humildade, que lhe permitiu expressar com perfeição a vontade divina e o amor de Deus. Enquanto vivemos confinados pelas necessidades e opiniões de nosso ego, facilmente criamos barreiras que nos separam de Deus e dos outros. Contudo, quando pensamos menos no pequeno eu, tornamo-nos mais receptivos à sabedoria divina em suas diversas formas de expressão, expandindo, assim, nossa compreensão e benevolência. Confiante no amor do Pai Celestial, Cristo estava livre de qualquer anseio por posição ou reconhecimento externo. Ele procurava apenas servir – e, ao fazermos o mesmo, podemos conhecer, tal como ele, a alegria de dar. Cristo percebia Deus em todos, até naqueles que haviam errado, pois contemplava o verdadeiro Eu, para além das falhas humanas. Nós também podemos praticar a atitude generosa e desprovida de críticas que surge com a compreensão de que “Meu Deus está naquela alma”.

Cada ação altruísta expande nossa consciência, mas é quando entramos no templo do silêncio, onde cessam os pensamentos inquietos e as emoções, que podemos vivenciar plenamente a “paz que transcende todo o entendimento”, o amor infinito que Cristo sentiu – o amor com o qual Deus está atraindo todas as almas de volta para Ele. Tal profundidade de comunhão interior surge gradualmente, mas cada esforço pode trazer à nossa vida maior tranquilidade, empatia e proximidade de Deus. Gurudeva assegurou-nos que, se perseverarmos, poderemos alcançar “uma comunhão de indizível doçura com a Graça Infinita, a Glória Indescritível, a Proteção Eterna”. Essa é a dádiva inestimável que Deus lhes oferece nesta época do Natal. Que ela seja o início de um exultante despertar espiritual, e uma ocasião para compartilhar com os demais a compreensão e o amor universal de Deus.

Um Natal abençoado para vocês e os que lhes são caros,

Sri Daya Mata Signature Blue

 

Copyright © 2010 Self-Realization Fellowship. Todos os direitos reservados.

Shop Bookstore   |   eNews   |     Donate   |   Contact Us   |   Sitemap   |   Audio Video Index   |   Privacy Policy   |   Terms of Use  
Copyright © Self-Realization Fellowship. All Rights Reserved.